fbpx
Propose icon

NOVA FILIAL BOM JESUS!

Na Rua Luis Inácio Dutra, 477, Sala 02 Visite-nos

Blog da Cyber

26/05
Author
admin
Date
26 de maio de 2020
Comments
0

Segurança na internet: Como não cair nas Fake News

Saber como não cair nas Fake News pode evitar com que você passe vergonha na internet. Além disso, é importante para ajudar a ter um entendimento correto do cenário atual do mundo!

Saber como não cair nas Fake News é uma habilidade que precisa de prática e paciência. No entanto, é vital que saibamos distinguir uma notícia real de outra falsa, o que geralmente é uma tarefa árdua.

Frequente em épocas de eleições, as Fake News possuem diversos propósitos em nossa sociedade: atacar adversários políticos, causar desinformação na população, levantar tendências na sociedade, e toda sorte de problemas.

Porém, as Fake News têm perna curta, e só é necessário um pouco de atenção para desvendá-las. Veja algumas dicas de como não cair nas Fake News.

Como não cair nas Fake News

É muito raro encontrar alguém que nunca tenha caído em uma Fake News.

Na verdade, se alguém disser isso, é bem provável que não tenha descoberto a farsa. De fato, todos nós já caímos em pelo menos uma delas na vida.

O termo Fake News começou a ficar popular recentemente por aqui. Conforme o clima foi aquecendo nas eleições de 2018, muitas informações falsas circularam pelo país.

No entanto, podemos considerar como a primeira vez em que alguém questionou a informação que estava sendo noticiada.

É muito provável que as Fake News façam parte do “arsenal de guerra” dos políticos há muito tempo.

Mas como a população não era tão conectada como nos dias de hoje, distinguir o verdadeiro do falso era muito mais difícil.

Para não cair nos contos de fada, fique atento às seguintes características das notícias.

Nomes estranhos, principalmente em relação à médicos

Quem nunca ficou surpreso com a simplicidade da nova cura do câncer, que consiste em água morna e limão?

Pois é, o senhor Tchen Horin é uma referência na oncologia, e está afirmando essa barbaridade!

Muitas vezes, o nome da pessoa que alega algum feito extraordinário é bem fora do comum, como o do relato citado acima. Esse deve ser o primeiro sinal vermelho de que pode se tratar de uma Fake News.

Porém, devemos considerar que algumas pessoas realmente têm nomes estranhos, e aí entra a nossa próxima dica.

Compartilhe, por favor!

As Fake News só vivem porque várias pessoas compartilham seu conteúdo. Porém, devemos lembrar que são pessoas de bem, e de fato acreditam que encontraram algo extraordinário.

Além disso, existe um apelo muito forte para realizar o compartilhamento da notícia, algo não muito usual em notícias sérias.

No entanto, estamos falando das notícias falsas que permeiam as redes sociais, sendo apenas um tipo delas.

Existem as notícias que são publicadas em jornais amadores, e até mesmo aquelas que são veiculadas em grandes jornais ao redor do mundo!

Como não cair nas Fake News dos jornais

A melhor forma de não cair nas notícias falsas é averiguar as fontes da matéria.

Se o médico que consegue curar o câncer com o poder da mente trabalha no MIT, entre no site do MIT e procure por ele.

Se conseguiu encontrar o tal médico, então veja seus trabalhos e sua área de atuação. É bem provável que o médico em questão nunca tenha trabalhado com câncer!

Pensando em um jornal amador, existem algumas coisas importantes para prestar atenção, sendo elas: data de publicação, URL e o conteúdo da matéria.

Muitas das Fake News são apenas um título e um subtítulo chamativos, enquanto seu conteúdo é um verdadeiro caos. Além disso, existe uma modalidade de notícia falsa onde informações antigas são divulgadas como atuais.

A URL do site tende a ser sem coerência, muitas vezes não sendo coincidindo com o próprio nome do jornal.

Fique atento para não sair prejudicado!

Não compartilhe notícias sem lê-las antes!

Por fim, finalizando nossas dicas de como não cair nas Fake News, é importante tomar cuidado para não propagar a desinformação em nossa sociedade.

A maioria dos vetores de notícias falsas são pessoas bem-intencionadas que querem ajudar, mas acabam não lendo a matéria inteira, ou não verificando as fontes.

Assim, sempre que encontrar um título chamativo, não compartilhe antes de checar seu conteúdo.

Além disso, sempre que alguma Fake News passar pelo seu feed de notícias, é sempre interessante alertar a pessoa que realizou a publicação.

É possível diminuir as consequências da Fake News, mas para isso precisamos contribuir com nossa parte.

Veja mais informações como essa no blog da CyberFly.