Blog da Cyber

30/06
Author
admin
Date
7 de julho de 2020
Comments
0

Segurança na internet: Proteja seus equipamentos de rede

Proteja seus equipamentos de rede, pois eles são o ponto de entrada para diversos malwares, além de permitirem o acesso a seus dados pessoais!

É importante que você proteja seus equipamentos de rede, seja ele um computador, celular, roteador ou o próprio modem.

De fato, todos eles são portas de entrada para ataques cibernéticos, e por isso devem estar corretamente configurados.

Um equipamento conectado à rede pode ser invadido de diversas formas, como:

● Por problemas na configuração, deixando o aparelho vulnerável;

● Ações vindas de códigos maliciosos;

● Das próprias vulnerabilidades intrínsecas ao dispositivo, podendo ser exploradas com facilidade por hackers;

● Por ataques de força bruta, onde o atacante aproveita de senhas fracas para realizar uma invasão.

Uma vez infectado, o aparelho ficará nas mãos do atacante, e isso pode ser um grande problema para você.

O atacante, após um ataque bem-sucedido, poderá realizar uma gama de ações, onde podemos citar:

● Parasitar a rede e coletar dados de todos os dispositivos que a ela se conectarem;

● Alterar as configurações de rede e direcionar recursos computacionais para sites fraudulentos;

● Interceptar dados que estejam sendo transmitidos sem criptografia;

● Pela rede dominada, o hacker pode executar uma varredura a fim de encontrar novos dispositivos, e posteriormente dominá-los também;

● Pode tornar aparelhos conectados à rede inoperante, onde um grande volume de dados é direcionado para a máquina, dando pane em seu sistema.

Todas essas informações são preocupantes, por isso sempre proteja seus equipamentos de rede. Veja algumas formas de ficar protegido.

Proteja seus equipamentos de rede: dicas úteis

Existem milhares de protocolos a serem seguidos para ter uma rede segura. No entanto, iremos nos concentrar nos pontos mais importantes e indispensáveis. Veja alguns deles:

● Mantenha todos os seus dispositivos sempre atualizados, principalmente seu firmware e firewall pessoal;

● Ao adquirir um novo equipamento de rede, altere sua senha o quanto antes, e só retorne à senha original quando necessário;

● Mantenha a opção de compartilhamento desativada em seus dispositivos, só ativando essa ferramenta quando estritamente necessário;

● Faça sempre backups de dados;

● Verifique se suas aplicações oferecem protocolos de segurança, como HTTPS, PGP, SSH e/ou VPNs;

● Em sua Wi-Fi doméstica, use sempre WPA2, evitando ao máximo WPA e WEP;

● Modifique o nome de sua rede, evitando dados pessoais e o nome do fabricante do aparelho, pois isso pode dar dicas sobre sua senha;

● Desabilite a função broadcast de sua rede, evitando que dispositivos de terceiros possam localizá-la;

● Se possível, deixe desabilitado o gerenciamento remoto de sua Wi-Fi, impedindo que funções administrativas possam ser realizadas à distância;

● Quando o assunto está relacionado com rede pública, tome o máximo de cuidado possível, principalmente quanto a conexão automática de seu dispositivo;

● Sempre opte por redes com WPA2, evitando WPA e WEP;

Cuidados com o bluetooth

Embora o bluetooth não seja exatamente uma rede de internet, ele pode atuar como uma rede, ou seja, transferindo informações de um ponto a outro.

Assim, devemos tomar cuidado com ele também, embora esteja caindo em desuso. Veja alguns cuidados:

● Só habilite a função bluetooth quando for usar, evitando deixá-la ativa o tempo todo;

● Deixe a visibilidade de seu bluetooth em “Invisível” ou “Oculto”. Isso impedirá que terceiros vejam seu dispositivo, diminuindo as chances de invasão;

● Altere o nome da rede bluetooth, evitando colocar seu nome ou dados técnicos do seu aparelho;

● Lembre de alterar o PIN de seu dispositivo, e seja cuidadoso na escolha da nova senha;

● Tome cuidado na hora de parear seu aparelho em locais públicos, pois você pode ser interceptado por um atacante, comprometendo sua segurança;

● Fique alerta quando receber uma mensagem solicitando autorização ou seu PIN. Só aceite se tiver certeza de que é seguro;

● Se perder seu aparelho com bluetooth, remova as relações de confiança entre os demais dispositivos, evitando um possível ataque.

Fora essas dicas, sempre proteja seus equipamentos de rede com senhas fortes e difíceis.

Deixe suas senhas anotadas em locais seguros, de preferência em locais físicos. Evite deixar junto ao modem, pois é um local óbvio demais.

Além disso, escaneie seus dispositivos com um antivírus regularmente, pois alguns malwares podem “saltar” de um dispositivo para o outro com bastante facilidade.

Veja mais informações como essa no blog da CyberFly.

Comments (0)

Write your comment